Congresso ABRATES versão 7.0


Este artigo foi publicado originalmente em meu blog More than Words no tumblr, em julho de 2016.

– Gio Lester © 2016

A Associação Brasileira de Tradutores — ABRATES representa profissionais da tradução, interpretação falada e por sinais. E este ano, 2016, ela realizou seu VII Congresso Internacional, nos dias 3 a 5 de junho, na bela cidade do Rio de Janeiro.

LIBRAS

TILS Paloma Bueno Fernandes

Logo antes do início oficial do evento, a Administração pediu que intérpretes de LIBRAS presentes se disponibilizassem como voluntários para que um colega presente pudesse acompanhar o ato.  A abertura oficial teve início com o Hino Nacional Brasileiro, o qual foi interpretado também por Paloma Bueno Fernandes, a intérprete de LIBRAS, acompanhada do colega Valdo Nóbrega para quem interpretava. Foi um quadro emocionante! Mais uma surpresa nos esperava na abertura, Cora Rónai, filha do fundador da ABRATES, Paulo Rónai, que foi inteligentemente entrevistada por Renato Beninatto, vice-presidente da Associação.

A aventura durou três dias. No dia 2/6 e parte do dia 3/6, tivemos aulas pré-congresso organizadas junto com o Café com Tradução, uma iniciativa de profissionais da tradução e interpretação para oferecer cursos e treinamentos a colegas. O Congresso em si teve início às 15h00 do dia três. As palestras cobriram temas como o profissionalismo, MT (tradução automática), TM (memórias de tradução), CAT (tradução assistida por computador), LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais), precificação, ofereceu treinamento, prática de interpretação, o crescimento do profissional em geral.

ABRATES VI - attendeesUma coisa que colocou o Congresso da ABRATES em um outro nível foi a oferta de cabines de interpretação, com avaliação por pares e por profissionais – sem gastos extras para os participantes desta atividade. Alunos de interpretação, e mesmo pessoas apenas interessadas na profissão, tinham acesso às cabines que estavam disponíveis em várias salas e podiam pedir a colegas profissionais da interpretação, professores, até mesmo a amigos, que os avaliassem. Havia fichas para observações oficiais que poderiam depois ser passadas para a equipe do HI2T, que oferece cursos de interpretação e treinamentos específicos no Brasil. Isso deu oportunidade para que profissionais que estivessem tentando mudar a direção de seu par de idiomas pudessem treinar e para alunos tentarem também qualificar os seus níveis de proficiência e tê-los avaliados sem a pressão de um evento real. As cabines e equipamentos foram fornecidos pela Comunica, empresa de serviços de interpretação que também trouxe uma equipe profissional de fotógrafos e maquiadora, além de uma cabine específica para tirar fotografias dos interessados. As cabines foram usadas também por intérpretes voluntários para acompanhamento do programa por colegas e palestrantes que necessitassem. Ah, não podemos deixar de mencionar que houve palestras em LIBRAS e que intérpretes de LIBRAS (TILS) estavam também prestando serviço em outras palestras.

ABRATES VI - aberturaO encerramento das atividades também foi maravilhoso. Mais uma vez, Beninatto se salientou trazendo ao palco a atriz Vera Holtz, grande amiga de longa data da presidente Liane Lazoski, para ajudá-la na transição enquanto passava as responsabilidades para William Cassemiro, o recém-eleito presidente que até então tinha ocupado o cargo de Tesoureiro.

Como é de costume em eventos desta natureza, todos aprendemos muito, nos divertimos muito, e levamos conosco emoções indescritíveis de momentos lindos passados entre colegas e amigos. Eu aprendi muita coisa nova. Descobri novos aplicativos, aprendi como melhor utilizar um aplicativo que já usava há algum tempo, aprendi técnicas novas, e até criei novas parcerias.

Para quem gosta de detalhes, aqui vão os números relativos ao congresso deste ano: em 3 dias conseguimos reunir 612 profissionais e estudantes, 85 palestrantes de 8 países diferentes,  oferecemos 8 cursos pré-congresso e 96 palestras.

Este foi o meu segundo Congresso da ABRATES. Estive no primeiro e espero estar de volta para vários outros.

Thank you for sharing!Share on Facebook0Share on Google+1Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn11Share on Tumblr0Email this to someonePrint this page

Thank you for reading. Please, share your thoughts